9.4.14

Frágeis e Vibrantes

Começamos finalmente a ser brindados com o tão desejado Sol, as pessoas estão sequiosas de calor e é raro durante o meu dia não falar com alguém que não mencione a falta dele.
Pois este fim de semana já deu para sair à rua (neste caso para o campo) e deparar-me com alguns cenários magníficos,  as papoilas povoavam por completo uma das zonas por onde passamos, e não resisti em fazer uma pausa para tirar umas quantas fotografias 


São apenas simples flores do campo e eu, talvez por ter crescido a apanha-las sempre gostei delas, frágeis e ao mesmo tempo vibrantes.


Recordo-me de ser criança e andar no campo a apanhar botões de papoila para os abrir com a curiosidade de ver a cor que teriam (branco, vermelho ou rosa) e se bem me lembro acho que até existia uma "espécie de jogo" associado a esta brincadeira (qualquer coisa como se fosse vermelho era galo, branco galinha?) estarei a fazer confusão com qualquer outra brincadeira infantil? ou seria apenas a minha forma despreocupada de passar algum tempo!?


Vim com um raminho para casa, mas não resistiram ao calor :(

Sem comentários :