13.11.16

Aproveitar as malaguetas

Este ano dediquei a maior parte do espaço das floreiras ao cultivo da várias espécies de malaguetas, ou piri-piris, não sei qual o nome correcto a dar às ditas, mas a verdade é que tenho apanhado tanta malaguetas que já sequei, congelei e dei.
Hoje decidi fazer umas pastas picantes com elas, para guardar e usar quando os cozinhados assim o pedirem.




Ainda não sei qual vai ser o resultado final, até porque as quantidades foram inventadas, mas caso queiram experimentar comigo aqui ficam as várias variantes (da esquerda para a direita):

# Pasta 1
50 gr de malaguetas (imagem abaixo)
2 dentes de alho
65gr de azeite
20 gr de whisky
tomilho fresco q.b.
1 patada de sal grosso

*Colocar todos os ingredientes no copo da bimby e triturar durante 5 minutos na ver. 7.


# Pasta 2
50 gr de malaguetas (imagem abaixo)
2 dentes de alho
65gr de azeite
20 gr de whisky
1 folha de louro (sem o veio do meio)
1 patada de sal grosso

*Colocar todos os ingredientes no copo da bimby e triturar durante 5 minutos na ver. 7.


# Pasta 3
50 gr de malaguetas, mistura de várias vermelhas (imagem abaixo)
2 dentes de alho
65gr de azeite
20 gr de whisky
sementes de coentro (a gosto)
oregãos (a gosto)
1 patada de sal grosso

*Colocar todos os ingredientes no copo da bimby e triturar durante 5 minutos na ver. 7.


# Azeite Picante
Malaguetas, mistura de várias previamente secas
2 dentes de alho cortados ao meio
Alecrim (a gosto)
Sumo de 1 limão
Azeite até encher o pote.

Os potes foram comprados na IKEA e antes de colocar as pastas e o azeite picante foram esterilizados durante 15 minutos no forno a 100º.
Agora vamos aguardar e podemos começar a experimentar dentro de 1 semana!


1 comentário :

Assunção Baptista disse...

Isso é que vai ser combater o frio! ;)