22.1.17

Fantasmas e demónios (e uma chávena de chá)

Enquanto bebo mais uma chávena de chá e tento descontrair um pouco penso no que tem sido a minha vida nos últimos dois anos.
Uma doença não anunciada, um processo violento fisico e emocional, o desassossego instalado e que agora volta a assombrar os meus dias.
Uma vez mais tento não pensar muito no assunto, tento... apenas isso.

Enquanto isso releio o que fui escrevendo da minha experiência, talvez tenha sido a forma que  encontrei na altura para expulsar os meus demónios e espero sinceramente que o meu relato fique por aqui, os demónios esses não foram completamente expulsos e continuam a vaguear pela minha mente.

O mundo ao avesso 
1 - o início2 - ilusões3 - então que seja4 - alívio temporário5 - o pior dia da minha vida6 - reagir7 - aceitar8 - mastectomia9 - amigos10 - cicatrizes11 - expansor12 - boas notícias13 - sorrir vs desistir14 - hormonas15 - substituir16 - retoques17 - fim

E agora, volto ao tema porque o tema volta a estar presente de forma mais real.
Risco oncológico, as análises estão feitas, mas demoram tanto os resultados.

Photo by Dora Ramalho

2 comentários :

Assunção Baptista disse...

Acalma esses fantasmas e exorciza esses demónios, entre dois golos de chá, deixa-os ir no vapor que sobe da chávena... se tudo correr bem nunca mais voltarão! Beijo <3

Val disse...

Dora, és uma inspiração para mim. Foste corajosa, guerreira e talvez não tenhas a exata noção do que o teu exemplo me ajudou quando passei pela cirurgia do meu marido. Sorrir sempre, são palavras que não esqueço. Tudo de bom, porque bem o mereces.